quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Viva toda a sua vida…

Numa carta ao seu pai, que era soldado nas linhas de frente, um garotinho escreveu uma frase que contém bastante sabedoria.

Dizia ela: “Pai, espero que viva toda a sua vida!”

Quando acordo pela manhã, levo dez minutos para me arrumar, abrir a porta da minha casa e ir para o trabalho. Como de costume, sempre levo um livro especial na mochila e antes de me dirigir para a mks, eu dou uma paradinha no tempo para sentar debaixo das árvores da praça central da cidade e ler um pouco. Geralmente são 20 minutos de pura contemplação!

A mente hávida se abre com o frescor do cérebro descansado e aberta para novos conhecimentos. A alma se liberta de forma indescritível a então eu vejo através da experiência de outros aquilo que é invisível…a alma humana me fascina! Como Deus foi inteligente em nos criar assim.

A citação da pequena história acima foi retirado do livro “O Amanhã começe hoje” do pastor, professor e conferessista norueguês Alf Lonhe. Recomendo este livro se você deseja ver a vida por um novo ângulo.

E pensando no que ese exímio escritor pintou na tela da escrita eu parei para pensar. Qual é realmente o total da minha vida?

Quando viajo pelo mundo a fora, nunca sei se vou voltar. A estrada e seus veículos se tornaram uma incógnita. Milhares de pessoas jamais voltarão para suas casas depois de um feriado alucinante.

Mas a totalidade da nossa vida vai além desta estrada. Quanto tempo perdido com tanta coisa que nos leva a perder o tempo presente. Quantas frases ditas que deveriam ter se calado! E o que dizer das frases que deveriam ter sido expressadas mas ficaram somente no amanhã eu falo.

E das ações que valem por mil palavras?

Como explicar o abraço que ficou no pensamento? A mensagem que não foi enviada do seu celular, a visita para aquele amigo deixado para depois, o afago carinhoso no seu filho que ta pindurado? Do doar-se para alguém por um pequeno ou loooongo espaço de tempo … onde está a totalidade de nossas vidas?

Já dizia o grande filósofo que somos aquilo que contemplamos. O tempo que dedicamos naquilo que realmente importa para nós é um tempo investido em algo que nos torna parte dele. Olhando para dentro da alma, talvez chegamos a conclusão que nossa vida deixou de ser um investimento de vida e sim um gasto de energia vital. Lá se vai a vida pelo ralo!

Não está na hora de dar uma guinada. Ou quem sabe uma simples pausa para pensar? Eu sei que posso…você também!

Quando cheguei de viajem recebi com muita alegria o abraço de um pequeno garotinho de dois anos que fica diariamente na porta de sua casa esperando seu pai voltar.

Lembrei desta parte do livro do Alf e ao ver seu sorriso e sua alegria em me ver. Entendi que ele me saudava como que dizendo, “Papai, você esteve tanto tempo londe de mim, você viveu a totalidade de sua vida?”.

Sim filho, vivi um dia intenso, construtivo e cheio de aventuras. Viví aquilo que Deus me deu para viver e voltei para casa só para dizer, quem sem você filhote, minha vida é totalmente vazia! Tá na hora do seu mamá… e lá fui eu fazer o titão!

“Há tempo de chorar, e tempo de rir. Tempo de prantear, e tempo de dançar…” Eclesiastes 3:4

Qual é o seu tempo hoje? Viva a otalidade da sua vida!

ESTRELA DO MAR

1 comentários:

Denny disse...

Em alguns dias penso mais nisso, em outros penso menos. Procuro viver da melhor maneira possível, fazendo meu trabalho com a maior perfeição, cuidando da minha casa, separando tempo pro marido, afazeres, lazer, mas sempre vai faltar algo.

Adorei teu blog! Vou colocar lá na aba "Blogs que leio" do meu.

Beijo Milaniii!

Postar um comentário

 
;